Blog da Orca

8 mitos sobre sobre o airbag e o freio abs esclarecidos para você!

A mecânica automotiva é um assunto que desperta a curiosidade de muita gente. Afinal, todo mundo conhece alguém metido a especialista, que sempre tem um diagnóstico pronto ou uma opinião na ponta da língua, não é?

Apesar de ser muito legal conversar com pessoas que entendem um pouco sobre manutenção de veículos, existe sempre aquele mito que não faz muito sentido, mas que é espalhado como se fosse verdade.

Algumas peças sempre são motivos de polêmica: airbag e freio ABS são dois bons exemplos. Existem vários mitos envolvendo esses componentes, o que deixa muitas pessoas intrigadas, ainda mais agora que ambos são itens obrigatórios nos carros nacionais.

Neste post, desvendaremos 8 mitos sobre essas peças. Confira o que é verdade e o que não passa de história de pescador — ou melhor, de motorista!

1. A frenagem com o ABS é menos eficiente

Mito. Erra quem pensa que o ABS precisa de mais espaço para frear completamente. Ao não travar as rodas, o sistema mantém o carro na mesma trajetória, o que significa que ele não perde estabilidade e para mais rápido.

O carro equipado com ABS precisa de 25% menos espaço para a frenagem total do que um veículo dotado de freio convencional.

2. Frear na curva com ABS é muito perigoso

Mito. A maior ameaça de uma frenagem na curva é o travamento nas rodas, o que impede o motorista de colocar o carro no trajeto certo.

O ABS não trava as rodas, o que garante aderência ao asfalto e mais controle do carro durante as curvas, ou seja, essa afirmação não tem fundamento.

3. ABS tem dificuldades em estradas de terra

Parcialmente verdade. Alguns carros equipados com ABS vêm com instruções para que o sistema seja desligado na estrada de terra, pois ele não responde com a mesma eficiência em uma via sem a aderência adequada.

Os sistemas podem cometer erros quando o carro está em uma via sem asfalto, mas já existem modelos equipados com uma solução para o caso: são os freios ABS com a função “off-road”.

4. O pedal do freio vibra em carros com ABS

Verdade. O pedal vibra porque os fluidos do sistema de freio começam a trafegar por todo o sistema, causando diferenças de pressão, que geram as vibrações.

Apesar de ser motivo de reclamações por parte de muitos motoristas, a situação nos modelos atuais é bem melhor. Os primeiros modelos com freios ABS sofriam com esses problemas de maneira muito mais intensa.

5. O airbag altera o monobloco do carro quando acionado

Mito. Muitas pessoas acreditam que é o acionamento dos airbags que gera deformações na estrutura do carro. Na verdade, o que pode gerar modificações no monobloco é a intensidade da batida que acionou o equipamento, não os airbags.

6. Qualquer pancada pode acionar o airbag

Mito. Os fabricantes de automóveis realizam diversos cálculos para garantir que as bolsas do airbag só sejam acionadas após uma violenta desaceleração do carro. Isso significa que uma pequena batida não resultará no acionamento do sistema de segurança.

7. É preciso estar com a postura certa para que o airbag funcione bem

Parcialmente verdade. O airbag funciona melhor em motoristas que ajustaram devidamente sua posição dentro do carro, mas isso não quer dizer que ele só vai ajudar o motorista que encontrou as configurações certas.

O airbag capaz de proteger em caso de colisão, mas, se o condutor adotar uma postura muito errada, nem o equipamento poderá ajudar.

8. Airbag pode machucar quem usa óculos

Verdade. Qualquer objeto que se encontre entre o rosto do passageiro e a bolsa do airbag tende a criar uma lesão em caso de acionamento desse sistema de segurança. Essa regra inclui os óculos, que podem causar machucados no rosto do motorista quando há contato ríspido com a superfície do airbag.

Esses são alguns mitos que envolvem airbag e freio ABS dos carros. Como vimos, alguns dizeres são, de fato, verdadeiros, mas é sempre bom procurar informações confiáveis antes de afirmar algo sobre a mecânica dos carros.

Gostou das nossas dicas e quer continuar acompanhando as novidades sobre o universo automotivo da linha Chevrolet? Curta nossa página no Facebook e não perca nenhum conteúdo!