Blog da Orca

As 4 melhores dicas para motoristas

Para ser um bom motorista, não basta ligar o carro e trocar as marchas corretamente. É necessário redobrar a atenção para conferir alguns detalhes importantes que trarão segurança não só para você, mas também para os passageiros do seu automóvel, para os outros motoristas que estão na via e para os pedestres. A ideia deste post não é destacar aquelas atitudes que você pratica em seu dia a dia, mas, sim, apontar algumas questões que, geralmente, esquecemos e podem fazer muita diferença em sua rotina no trânsito.

Vamos conhecer algumas dicas? Acompanhe o nosso artigo e confira as informações logo abaixo!

Cuidados especiais com chuva e neblina

Vários acidentes no trânsito ocorrem quando há situações adversas como, por exemplo, chuva e neblina. Para amenizar esses problemas, recomendamos: quando a pista estiver molha, evite pisadas bruscas no freio. Além disso, procure dirigir mais devagar e com o motor mais cheio (giros mais altos). Fique atento também com as poças na estrada e, em caso de chuvas fortes, o recomendável é estacionar no primeiro posto de gasolina e esperar até que ela diminua.

Em caso de cerração, o ideal é diminuir a velocidade e acender os faróis baixos e os de neblina. Quando estiver nessa situação, jamais use o farol alto, pois ele reduz ainda mais a visibilidade. Uma boa estratégia é procurar uma referência no asfalto para permanecer na trajetória ideal. A referência pode ser aquelas faixas que ficam pintadas no chão. Em situações de emergências, pare o seu veículo no acostamento.

Atenção com a bateria

Hoje em dia, é normal encontrar automóveis a diesel. Devido a esse fator, é fundamental informar a você, caro leitor, sobre as baterias. Grande parte dos motoristas não sabe, mas elas têm chumbo, um elemento tóxico que pode prejudicar tanto a saúde do homem como a do meio ambiente. Em função disso, após manusear uma bateria, recomendamos que as devolva para os estabelecimentos que comercializam o produto.

Nestes locais, há profissionais especializados que armazenam a bateria em recipientes apropriados e, logo em seguida, as encaminham para reciclagem.

Lembre-se do extintor de incêndio!

Agora, vamos destacar a nova lei do extintor automotivo. Ela exige que o motorista substitua os equipamentos do tipo BC para o ABC. O BC é aquele que tem capacidade de combater incêndios somente de materiais como líquidos inflamáveis e equipamentos elétricos, enquanto este é mais eficiente. Já o modelo ABC combate também incêndios que são provenientes de materiais de madeira e tecidos.

Mantenha o controle

Recomendamos que você acerte a sincronia entre soltar a embreagem e acelerar o veículo para arrancar. Não se esqueça desse procedimento, pois quando o motorista acelera muito e solta pouco a embreagem ocorre a “queimada da embreagem”. Além de aumentar o consumo de combustível, esse fenômeno impede que o automóvel se desenvolva com eficiência.

Após ler este artigo, você conhece outra dica que considera essencial? Gostaria de compartilhas com outros leitores? Aproveite a oportunidade e participe nos comentários abaixo!