Blog da Orca

Câmbio manual de seis marchas: afinal, o que muda?

A indústria automobilística, em conjunto com a engenharia, está constantemente inovando seus produtos. Seja por estética, segurança, economia ou conforto. A intenção é poder proporcionar ao usuário uma melhor experiência na maneira de dirigir.

Você conhece o câmbio manual de seis marchas? Sabe quais são suas vantagens?

De forma sucinta, a função do câmbio no veículo é transferir a força do motor para as rodas por meio de engrenagens. O câmbio denominado manual, é aquele no qual o próprio motorista executa a operação de aumentar ou diminuir a velocidade do carro manuseando a alavanca de marcha.

Os automóveis, na forma que conhecemos hoje, foram evoluindo de três, quatro e cinco marchas manuais, a maior parte dos veículos, atualmente, são fabricados com cinco marchas e recentemente.

Neste artigo, vamos falar sobre os câmbios de 6 marchas, e quais suas vantagens. Confira!

Maior conforto ao dirigir

Os veículos equipados com câmbio manual de seis marchas são mais confortáveis no momento da troca de marchas que os mesmos modelos com a versão de 5 marchas. Por haver mais engrenagens o motor não perde a rotação, com isso não ocorrem os trancos.

Economia de combustível

Um carro com seis marchas quando bem projetado, considerando a relação peso e potência, é mais eficiente e com isso mais econômico no quesito de consumo de combustível.

Menor emissão de poluentes

Considerando que um carro com seis marchas manuais é mais econômico levando em conta a sua eficiência em relação aos veículos com cinco marchas manuais e até mesmo os mais sofisticados, em versões automáticas, haverá uma considerável redução de poluentes, uma atitude que vem sendo cobrada a anos pelos órgãos de controle ambiental.

Portanto, cabe aos consumidores, sempre que forem adquirir um novo veículo, criar o hábito de solicitar ao revendedor informações a respeito da classificação referente aos níveis de emissão de poluentes.

Maior durabilidade do motor

Quando um motor não recebe trancos provocados pela troca de marcha, ele é menos desgastado por não ser submetido a pancadas no seu conjunto de peças e acessórios, portanto, a tendência é de maior durabilidade e menor número de manutenções corretivas.

Relação custo-benefício

O fato de acrescentar uma marcha em um veículo não faz com que seja mais caro ao ponto de ser inviável a sua compra. Muito pelo contrário, convém negociar com a concessionária a opção de levar um automóvel com câmbio de seis marchas.

Portanto, as vantagens oferecidas pelos veículos com câmbio manual de seis marchas já são suficientemente convincentes para quem pensa em trocar o carro por um modelo mais novo. Outra dica é procurar sempre a relação custo-benefício a longo prazo, afinal a economia com o menor consumo de combustível e menores números de manutenções podem ser considerados como um investimento no momento da compra.

E ai? Percebeu como um veículo com câmbio manual de seis marchas oferece vantagens que justificam a sua compra? Para mais informações faça contato conosco!