Blog da Orca

Cuidados com o carro: 4 erros que você não deve cometer com o seu!

O brasileiro é um povo apaixonado por automóveis e, por isso mesmo, não costuma economizar muito na limpeza, no enceramento e em outros itens mais visíveis na estética do veículo. No entanto, por incrível que pareça, não é raro que algumas pessoas pequem em alguns dos principais cuidados com o carro.

Seja em termos de manutenção ou até mesmo nos hábitos no momento de dirigir, existem alguns erros que você não deve cometer com o seu veículo. Quer descobrir quais são eles? Então confira a lista que preparamos no conteúdo a seguir!

1. Fazer descidas em ponto morto

É bem provável que você já tenha ouvido, especialmente de condutores mais experientes, que fazer descidas em ponto morto é um erro. No entanto, deixar o carro “na banguela”, com é dito no vocabulário popular, é uma situação bastante comum, pois muita gente acha que essa é uma forma de economizar combustível.

O fato é que não faz praticamente nenhuma diferença no consumo, pois os modelos com injeção eletrônica, que são os mais comuns hoje em dia, já cortam o fluxo de gasolina. Além disso, essa atitude pode causar problemas sérios no veículo como a danificação dos freios, que podem não funcionar corretamente e causar um acidente.

2. Descansar o pé no pedal da embreagem

Quantas vezes você não ficou relaxado ao dirigir e descansou o seu pé esquerdo tranquilamente no pedal da embreagem, achando que isso não traria nenhum problema para o automóvel? No entanto, esse é um dos erros que você não deve cometer, e evitar isso está entre os mais simples cuidados com o carro que você deve adotar.

Ao contrário do que possa parecer para quem não entende muito de mecânica, ficar com o pé ali parado reduz em até 50% a vida útil do mecanismo como um todo. Para evitar que isso aconteça com você, pise apenas no local adequado. Alguns modelos novos contam até com um descanso no assoalho.

3. Não trocar o óleo no tempo certo

O óleo do motor é um item fundamental para o bom funcionamento de qualquer carro, mas muitos proprietários simplesmente negligenciam a sua troca. Isso é um tremendo erro, pois além de perder potência e desempenho, a economia pode ir para o ralo quando as peças simplesmente se quebrarem por falta de lubrificação.

O ideal é seguir a recomendação do fabricante, que indica quando a troca precisa ser feita de acordo com a quilometragem ou o tempo. Preste atenção também no filtro e fique ligado nos sinais que o veículo dá, como o acendimento das respectivas luzes no painel ou um barulho excessivo saindo do capô.

4. Andar com o combustível na reserva

Outra atitude errada é andar com o tanque na reserva. Isso ficou ainda mais comum após os últimos aumentos que a gasolina e o álcool tiveram no nosso país. Porém, mais uma vez essa economia momentânea pode se traduzir em um tremendo prejuízo com o passar do tempo.

Essa atitude atrapalha o funcionamento do sistema de injeção e, além de desregulá-lo, pode sobrecarregar os componentes na tentativa de manter o fluxo na pressão adequada. Fique atento, pois a substituição dessas peças, dependendo da marca e do modelo, não costuma ser barata!

Gostou de saber quais cuidados com o carro você precisa ter para evitar esses erros? Então compartilhe este artigo nas redes sociais e ajude os amigos a fazerem o mesmo!